Interessante

Folhas amarelas e manchas marrons em gardênias

Folhas amarelas e manchas marrons em gardênias

Photos.com/Photos.com/Getty Images

Gardênias são arbustos de clima temperado e ornamentais, favorecidos por sua resistência ao frio e flores brancas. A identificação do patógeno específico, a prevenção e o controle precoce são vitais para o tratamento dessas doenças.

Mancha Bacteriana da Folha

A mancha bacteriana da gardênia é uma doença da folhagem, causada pela bactéria Xanthomonas campestris. A doença afeta a vitalidade da folhagem, causando pequenas manchas marrons na folhagem e nas flores, amarelecimento das folhas e eventual queda das folhas. Conforme a doença progride, as manchas aumentam e ficam pretas. A doença favorece temperaturas quentes que variam de 72 a 82 graus Fahrenheit para infecção, relata Juanita Popenoe, da extensão IFAS da Universidade da Flórida. Reduza a umidade livre nas superfícies das folhas, evitando a irrigação aérea e destrua as plantas infectadas para evitar a propagação de doenças.

Podridão da raiz de Rhizoctonia

A podridão da raiz por Rhizoctonia é uma doença fúngica da gardênia que causa extensos sintomas acima do solo. Os sintomas da doença consistem em amarelecimento das folhas, escurecimento das folhas, murcha das folhas e morte das plantas. A doença favorece solo úmido, má drenagem e irrigação excessiva. Aumente a drenagem da água e evite regar em excesso para evitar que o fungo infecte as raízes da gardênia. Plante espécies de gardênias resistentes a doenças em solo infectado com Rhizoctonia para evitar que a doença se espalhe para gardênias suscetíveis. Laboratórios universitários e privados podem fazer testes para fungos Rhizoctonia no solo antes de plantar gardênias suscetíveis.

  • A mancha bacteriana da gardênia é uma doença da folhagem, causada pela bactéria Xanthomonas campestris.
  • Laboratórios universitários e privados podem fazer testes para fungos Rhizoctonia no solo antes de plantar gardênias suscetíveis.

Mancha da folha de Cercospora

A mancha foliar de Cercospora é uma doença comum na folhagem de muitas plantas ornamentais, incluindo a gardênia, causada pelos fungos Cercospora. Os fungos favorecem as temperaturas de clima quente entre 68 e 95 F e umidade livre nas superfícies das folhas para infecção. Os sintomas da doença aparecem durante o final do verão e início do outono. Os sintomas de infecção consistem em amarelecimento das folhas, manchas marrom-escuras a pretas nas superfícies das folhas, halo amarelo ao redor das manchas foliares e queda das folhas. Aplicações de fungicidas químicos podem ajudar a prevenir e controlar a mancha foliar de Cercospora.

Podridão da raiz de Phytophthora

A podridão da raiz de Phytophthora é uma doença da gardênia que ameaça a vitalidade de toda a planta. Os sintomas são semelhantes aos da podridão radicular por Rhizoctonia, consistindo em amarelecimento das folhas, manchas marrons nas folhas, redução do vigor da planta, queda da folha, raízes apodrecendo marrons e morte da planta. Os fungos Phytophthora favorecem condições de solo úmido, má drenagem do solo e raízes profundas para infecção. Espécies de gardênia resistentes a plantas e destruir plantas infectadas para reduzir a propagação de doenças

  • A mancha foliar de Cercospora é uma doença comum na folhagem de muitas plantas ornamentais, incluindo a gardênia, causada pelos fungos Cercospora.
  • A podridão da raiz de Phytophthora é uma doença da gardênia que ameaça a vitalidade de toda a planta.


Assista o vídeo: MANCHAS NA FOLHA DO MANJERICÃO (Janeiro 2022).